VAZOU | Trailer Oficial do filme Vingadores 2 – A Era de Ultron.

The Avengers 2 Leaked Still Ultron 620x370 Official Avengers 2 Trailer Released By Marvel [Updated]

 

VAZOOOOU.

Na tarde de ontem vazou o trailer oficial do filme mais esperado de 2015.

E nós trazemos para você com exclusividade.

Assista:

[https://www.youtube.com/watch?v=tmeOjFno6Do]

 

Eai, o que achou?

A Marvel achou que todo esse vazamento de informações foi culpa da HYDRA.

Sem título

 

@Mikebigode

 

 

Anúncios

Noé – “Uma arca e um dilúvio de polêmicas”

Noé

Após A Paixão de Cristo, o filme Noah, ou Noé do judeu Darren Aronofsky (Fonte da Vida, Cisne Negro) é a nova produção que vai deixar muita gente intrigada, outros nem tanto. O filme que traz para as telonas (03/04) a história bíblica de um homem (Russell Crowe), sua mulher (Jennifer Connelly), filhos (Emma Watson) e um casal de cada espécie de animais, não necessariamente nessa ordem, teve sua pré-estreia antecipada para essa quinta-feira 20 no Rio e contou com a presença do protagonista Russel Crowe.família

O filme da Paramount Pictures que descreve a passagem de Genesis (6, 7 e 8) onde um Deus irado com a perversidade humana resolve destruí-la através de um dilúvio, já foi censurado em diversos países do Oriente Médio, especialmente os de religião islâmica e muçulmana. Nos Emirados Árabes Unidos, Qatar, Bahrein e Koweit a exibição do filme já foi boicotada e o mesmo não será exibido.Arca

Um dos principais motivos é a representação física de Noé, uma vez que o ato de representar ícones da bíblia (profetas) é tido como ação pecaminosa. Em uma tentativa de amenizar a situação foi incluído no material de marketing do filme um lembrete de que “foram tomadas liberdades artísticas”, na representação cinematográfica que teve um orçamento de 125 000 000 $.

Assista ao Trailer:

Lembrando que não é a primeira vez que a arca de Noé navega nos cinemas. Em 2007 o ator e comediante Steve Carell viveu Evan em A Volta do Todo Poderoso, um deputado que recebe de Deus a missão de construir uma arca e salvar a sua cidade de um “dilúvio”.Poderoso

Resta saber agora se em terras brasileiras o novo dilúvio vai levar muita gente ao cinema, ou só vai gerar mais polêmica.

Por: Fê Mendonça

Racismo? Riachuelo ensina como não fazer uma campanha.

Riachuelo Racista

O Dia Internacional da Mulher está chegando e com isso vem a enxurrada de campanhas pró mulher.
O conceito é sempre o mesmo, valorizar a mulher em todos os seus aspectos. Certo?
Bom, a Riachuelo resolveu discordar um pouquinho disso, será? Talvez.

O que era pra ser uma homenagem a mulher, se transformou em um problemão!
Um vídeo divulgado hoje pela Riachuelo mostra um péssimo gosto para produzir campanhas, isso inclui claro, sua agência.

Em um vídeo onde um “exemplo claro de mulher brasileira”: branca, loira e magra é “servida” por braços e mãos negras.

De onde tiraram essa ideia? Quem foi o gênio?

Não sou negro, mas me senti ofendido com a campanha. Racismo é algo inaceitável!!!

Nós do Publicitário Pobre repudiamos esta campanha por completo.

Vejam o vídeo:

Querem ver a opinião de quem realmente sofre isso na pele? Veja: http://blogueirasnegras.org/2014/03/06/dia-internacional-da-mulher-branca/

@Mikebigode

Invocação do Mal: o filme de terror mais assustador do ano estreia hoje

Invocação do Mal - Poster divulgação

Do mesmo diretor de Jogos Mortais e Sobrenatural, Invocação do Mal (The Conjuring) é o novo filme de terror de James Wan, que estreia hoje no Brasil, sexta-feira, 13 (sugestivo, não?) de setembro.

Pra dar uma supervontade de assistir, não deixe de ver a reação do público na pré-estreia do site Omelete, da Uol. Confesso que, pela galera, superou totalmente as minhas expectativas.

Depois, confira o trailer:

Escrito pelos gêmeos Carey e Chad Hayes (Terror na Antártida, A Colheita do Mal), o filme é baseado em histórias reais. Na trama, o casal Edward (demonologista) e Lorraine Warren (clarividente), interpretados por Patrick Wilson e Vera Farmiga, encaram o caso mais assustador de suas carreiras: o caso da família Perron, assombrada em 1971 em uma casa de campo na cidade de Harrisville, em Rhode Island, EUA.

A família Perron está lançando também a trilogia de livros House of Darkness House of Light sobre a experiência, pra quem quiser ir além do filme.

Eu não vejo a hora de assistir e passar vergonha gritando no cinema. E você, deu vontade de assistir?
 
.
@junavarro

DICA DA SEMANA: “Preciosa – Uma História de Esperança” (2009)

Pense num filme chocante. Pense num filme perturbador, difícil. Um filme impactante, surpreendente. Estes e muitos outros adjetivos seriam necessários para definir o que exatamente se passa em “Preciosa” (Precious, do título em inglês).

530487_4267597375235_555525123_n

Com nome de novela mexicana, este longa em nada tem relação com os pseudo-dramas latinos dos anos 1990. A história se passa no Harlem, bairro de Nova York, em 1987. Claireece ‘Preciosa’ Jones, mais conhecida como ‘Preciosa’ (Gabourey Sidibe), é uma adolescente de 16 anos que está grávida pela segunda vez do próprio pai. Sua primeira filha, que mora com sua avó, é carinhosamente chamada de “mongo” – proveniente de mongolóide – pois é portadora da Síndrome de Down, e é através dela que Mary (Mo’Nique), mãe de Preciosa, recebe a renda do governo quando uma vez por mês a menina é trazida para sua casa no intuito de enganar a assistente social.

O filme conta em detalhes como Preciosa é maltratada, subjulgada, ofendida e agredida a todo momento por sua mãe e por seus amigos da escola, e como sua esperança se esvai à medida em que não existe qualquer amor ou carinho que a acalente.

precious_3

O roteiro, baseado no livro “Push”, da autora que foi professora no Harlem e viu essa história de perto, Sapphire – pseudônimo de Ramona Lofton – é cuidadosamente bem construído pelo diretor Lee Daniels. Filmado em apenas cinco semanas, Daniels dá um tom de drama humano ao filme que nos salta aos olhos, evidenciando que os nossos problemas em nada são comparáveis aos vividos por Preciosa.

Mo’nique (atriz que tem origem na comédia), mãe da nossa heroína e um dos personagens mais asquerosos que o cinema já mostrou, dá um show de atuação em sua interpretação vencedora do Oscar. Uma mulher amargurada e rancorosa, Mary só pensa em si mesma e não está nem ai para a filha ou para a neta. Seu olhar de indiferença, em relação aos problemas ao redor, chega a aterrorizar qualquer espectador com mínimas sensações humanas de carinho ou afeto.

12_Precious_MoNique.jpg

“Preciosa” é, além de tudo, uma história que precisa ser contada. Uma história que precisa chegar até nós. É uma realidade pesada, conturbada, mas que no filme é contada de forma convincente e sensível. Uma história tão real quanto a naturalidade da atriz estreante (e indicada ao Oscar) de nome difícil, Gabourey Sidibe, que fez o teste para o papel de Preciosa apenas 6 semanas antes do início das filmagens por sugestão e indicação de amigos.

“Preciosa” é um filme que você não vai ver para se distrair, muito menos para se divertir. Mas que, sem dúvida, você não deve deixar de assistir.

recomendado2

FICHA TÉCNICA

Diretor: Lee Daniels
Roteiro: Geoffrey Fletcher
Produção: Oprah Winfrey; Tyler Perry
Fotografia: Andrew Dunn
Trilha Sonora: Mario Grigorov
Duração: 110 min.
Ano: 2009
País: EUA
Gênero: Drama
Cor: Colorido
Distribuidora: PlayArte
Estúdio: Lee Daniels Entertainment / Lionsgate / Smokewood Entertainment Group
Classificação: 12 anos

@LeFernandes1

Facebook.com/LeFernandes

O trailer/teaser mais “instigante” da história do cinema.

ELENA_cartaz_1920x2880_PNG

Todo mundo que assiste um trailer novo, fica instigado, tentado, curioso e tudo mais.
Agora imagine um trailer que cause apenas isso, apenas o mais puro desejo de assistir ao filme em questão.

Apresento a vocês o mais instigante trailer/teaser da história do cinema.
(Na humilde opinião do autor que vos fala!)

Quer ficar ainda mais INSTIGADO?
Veja os prêmios que este documentário ganhou até agora:

• 45º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro – melhor direção, melhor montagem, melhor direção de arte e melhor filme pelo júri popular, todos na categoria documentários.
• 28º Festival Internacional de Cinema de Guadalajara – menção especial
• 9º Festival Internacional de Documentários ZagrebDox – menção especial
• Films de Femmes 2013 – melhor documentário

Quer mais?
Olha só a opinião de quem já assistiu:

“ELENA é uma das experiências mais agudas e dilacerantes que já vivi no cinema.
De uma beleza incomum, o filme fica entranhado em nós por um longo tempo. Imperdível!”

Walter Salles
Diretor de “Central do Brasil”

“ELENA é uma experiência cinematográfica rara. Isto é devido à profundidade com que aborda as relações emocionais entre as três personagens e pela delicadeza poética de suas texturas, sons e texto. É como um fio que se desenrola na nossa frente e de repente estamos presos num nó sem saída. Mas o tempo ou a própria vida se encarrega de transformar o que era tragédia em memória, desfazendo o nó e deixando a vida voltar a fluir. Um filme que provoca 60 insights por minuto.”

Fernando Meirelles
Diretor de “Cidade de Deus”

“No centro, o evento trágico de uma vida interrompida cedo demais. Os vivos se despedaçam. O filme reintegra os pedaços, na medida em que isso é possível, ou seja, imperfeitamente. Não existe a ingenuidade de achar que a arte recupera a plenitude anterior ao drama. É o contrário, creio. Através do filme, o que se tenta é encontrar um modo de conciliar-se com a irrevogabilidade da morte, aprendendo a viver com o que fará falta para sempre. Se não existe desfecho limpo, de laço de fita, tampouco há prostração, pois é preciso seguir vivendo – e se possível, vez por outra, dançar um pouco, como na cena final. Esse gaio realismo, esse desejo de encontrar a alegria apesar de tudo, é o que fica e o que faz com que um filme sobre a morte consiga afirmar a vida de maneira tão forte. A impressão final é que Petra, diretora e irmã, fez e foi feita pelo filme, um pouco como aquela imagem em que uma mão desenha outra mão e é por ela desenhada. Sem a diretora, Elena não existiria; sem Elena, minha impressão é que a diretora seria mais triste, a vida presa a um luto sem resolução. Do ponto de vista do espírito, ela também seria mais pobre, pois não teria a experiência de haver realizado um dos mais bonitos filmes a que assisti em muito tempo.”

João Moreira Salles
Diretor de ”Santiago”

“Um dos mais belos (e dolorosos) documentários brasileiros dos últimos anos.”

Folha de S.Paulo

“ELENA fala das perdas vivenciadas na carne com um talento e uma coragem pouco comuns.
Ecoa fortemente dentro da gente, dor para curar a dor.”

O Globo

“Um filme que eu gostaria de ter feito. Me deixou arrepiado várias vezes, porque é um filme sobre a dor e a incompreensão da morte. E a morte não deveria existir.”

Ignácio de Loyola Brandão

“Primeiro, há três mulheres misturadas. Depois, existe a busca e a separação.
Elena agora é memória. E a memória é uma casa viva. É um dos mais belos documentários que eu já vi.”

Eliane Brum
Jornalista e documentarista

“Surpreendente e lírico. ELENA mantém a intimidade ao máximo.”

Filmmaker Magazine

Sabe qual a melhor parte? Ele estréia em todo o Brasil dia 10 de maio! 😉

Quer saber mais? Acesse: http://www.elenafilme.com/

@Mikebigode 

Stop Motion & Instagram

Instagram-music-vidÉ alucinante!

A técnica stop motion, de animação quadro a quadro, ganhou a ilustre presença do Instagram neste vídeo.  Foram utilizadas nada menos que 1905 fotografias feitas com um IPhone, sem nada gravado em vídeo, isto mesmo, NADA EM VÍDEO.

A ideia é genial a serve de inspiração!

Créditos do vídeo:

Música: Plastics Revolution
Direção: Arturo Perez Jr.
Produção: Zak Faust
Direção de Arte: Brooke Baker
Produção de Desenho: Hillary Andujar
Som: Francois Clos
Efeitos Especiais: Coco Kendel
Atores: Joel Sadler and Casey Williams

@_hrdias

Tony Stark está de volta em “Iron Man 3”

Desde o ataque dos chitauri a Nova York, Tony Stark (Robert Downey Jr.) vem enfrentando dificuldades para dormir e, quando consegue, tem terríveis pesadelos. Ele teme não conseguir proteger sua namorada Pepper Potts (Gwyneth Paltrow) dos vários inimigos que passou a ter após vestir a armadura do Homem de Ferro. Um deles, o Mandarim (Ben Kingsley), decide atacá-lo com força total, destruindo sua mansão e capturando Pepper. Para enfrentá-lo Stark precisará ressurgir do fundo do mar, para onde foi levado junto com os destroços da mansão, e superar seu maior medo: o de fracassar. O filme estreia dia 26 nas telas do cinemas!

Homem-de-Ferro-3-22out2012-02

Homem-de-Ferro-3-poster

Homem-de-ferro-Iron-Man-3

 

Por Will Soares

Mais uma obra incrível de Steven Spielberg em ‘Lincoln’

Com 12 indicações ao Oscar 2013, o filme é um dos mais aguardados desse ano!

O título de “Lincoln”, que estreia nesta sexta-feira (25), pode ser enganoso: o filme não oferece uma biografia do 16º presidente dos Estados Unidos, mas um perfil, o retrato de um momento específico. Faria até sentido se a versão no Brasil ganhasse um complemento adicional apelativo, como é prática usual por aqui, algo na linha de “luta pela igualdade” ou “um homem e seu sonho”. O filme mostra ainda detalhes da vida doméstica do protagonista. O convívio com a esposa era respeitoso e por vezes hostil. Responsável por interpretar a atormentada e dedicada mulher, Sally Field no princípio surge incômoda, porque excessivamente histérica. Mas ela melhora, conforme se abre espaço para a ambiguidade da personagem.

Bora conferir galera, não é atoa que tem 12 indicações ao Oscar, é do Steven Spielberg, um gênio do cinema!

Abraham Lincoln Vampire Hunter Film

lincoln_1

Por Will Soares

Com 5 indicações ao OSCAR ‘Django Livre’ estreia nesta sexta-feira nos cinemas!

Primeiro faroeste do cineasta Quentin Tarantino, “Django Livre” é a principal estreia nos cinemas de Manaus. Além do filme do diretor de sucessos como “Pulp Fiction – Tempo de Violência” e “Bastardos Inglórios”, as salas locais ainda trazem outros três filmes, incluindo “O Último Desafio”, volta de Arnold Schwarzenegger ao papel de protagonista.

Bora acompanhar essa super produção!

django 1

Django Unchained movie still

django 3

Por Will Soares