Sorvete de Cerveja com calda de Conar

economia-sorvet-skol-20121010-02-size-598

A Skol tinha a certeza de que o lançamento da edição limitada de seu sorvete de cerveja, comercializado em bares de São Paulo e do Rio de Janeiro a partir do dia 15 de março, seria o maior sucesso.

Mas quem colocou a calda (nem um pouco quente) na sobremesa foi o Conar, que advertiu a Ambev sobre a campanha do novo produto.

O Conar afirmou que a propaganda feita no site da empresa e na página da marca na rede social Facebook “poderia despertar a atenção do público infanto-juvenil” e que a Skol teria atuado “no limite” das regras estabelecidas pelo Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária, que estabelece normas especiais na propaganda de bebidas alcoólicas, evitando o acesso pelos menores de 18 anos de idade.

Por fim, o Conar aprovou, por unanimidade, a advertência à Ambev no dia 20 de março, mas só divulgaram na segunda-feira (25/03).

Acho melhor a gente ficar no tradicional chocolate, com calda de morango, chantilly e cereja – para curar a ressaca da cerveja líquida.

@_hrdias

Big Gafe Brasil

Amantes ou não, todos devemos concordar que o reality show Big Brother Brasil é um antro de merchandising.

Mas o que a Globo não esperava foi uma gafe daquelas, que tomou conta do noticiário nacional nos últimos dias e deixou a potência Ambev #chateada

Por volta das 13h30 do dia 24/01/2013, os participantes do programa foram despertados com a música “Geração Coca-Cola”, da Legião Urbana. Ao ouvir o refrão, os confinados gritaram diversas vezes “Coca-Cola’, sendo que o programa é patrocinado pelo Guaraná Antártica – que pagou nada mais, nada menos, que R$ 24 milhões pela cota de patrocínio.

E agora, heim Globo?

BBB10

@_hrdias

Bafômetro para reduzir acidentes.

Ambev gigante das bebidas, pensando na responsabilidade social e na redução das altas taxas de acidentes causados por dirigir alcoolizado no Brasil, apresenta a ação de marketing intitulada “Bafômetro”.

A marca de cerveja Antarctica, assina esta ação que mostrar aos jovens como suas habilidades de julgamento são afetados pelo álcool.

Foram colocadas máquinas para teste de bafômetro, com telas de vídeo em bares onde uma menina de aparência normal convida os clientes a fazerem o teste na máquina. Quem é aprovado pode ir e ganha elogios, mas se a máquina detecta alguém com nível de álcool elevado, a garota normal na tela se transforma em uma garota de beleza sedutora, e a máquina cospe um cupom de desconto para uma empresa de táxi. Os homens podem escolher entre as modelos de meninas diferentes, e as mulheres podem escolher meninos, para fazerem o teste.

Agência: Almap BBDO, São Paulo, Brasil

Diretor de Criação: Luiz Sanches

Redator: Gustavo Sarkis

Diretor de Arte: Marcos Kotlhar

Companhia de Produção: Cine

Construção da máquina: Frank Morais

Construção Eletrônica: Marcos Kotlhar

Fonte:ACriação

Pepsico acirra disputa de chás com Coca-Cola

A Pepsico aumentou a dose de investimentos na marca Lipton para retomar a liderança do setor de chás prontos para beber, que registrou aumento de 12% no volume de vendas entre os meses de janeiro e abril desse ano. De acordo com a Nielsen, o mercado movimentou 64,5 milhões de litros em 2010, um índice 9,1% maior do que no ano anterior. O objetivo é dar um gole no share da Coca-Cola, líder do setor com a marca Leão Júnior, que detém 35% de participação. Os chás da linha Nestea, da Nestlé, ocupam a segunda posição, com 26% do mercado, seguida da Pepsico, que até 2003 era a maior marca do setor e hoje possui uma fatia de 13%.

Sem revelar cifras, a Pepsico garante que o aporte é um dos mais significativos dentro da verba de R$ 2,5 bilhões em investimentos anunciados pela Ambev, que produz e distribui os chás Lipton no Brasil, conforme informa a edição dessa quinta-feira do jornal Valor Econômico. Os recursos serão aplicados na mudança das embalagens do produtos Lipton, que agora serão acartonadas, além do lançamento de uma versão mate da bebida, sabor que responde por 50% do mercado de chás prontos no País. As outras variantes consumidas pelos brasileiros são o chá preto (30%) e verde (10%).

Perfil de consumo
Cada brasileiro bebe em média 0,8 litro ao ano de chás prontos para beber, um consumo inferior a países como Portugal, onde o volume chega a 21 litros por pessoa, e Estados Unidos, com 12,9 litros. Esse elevado potencial de crescimento explica a atração de novos recursos. De acordo com dados da Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas não Alcoólicas (Abir), o consumo do produto cresceu cerca de 10% em 2010, contra 6% dos refrigerantes.

Fonte: Meio e Mensagem

Skol Sensation: som na capa da Playboy

A F/Nazca para comunicar o Skol Sensation, inseriu um player de música na capa da Playboy. Confiram o vídeo que mostra o projeto:

Fonte: Update or Die

Guaraná Antarctica – Coral das Galinhas

O comercial chega à telinha nesta quarta-feira (25) e trata da fórmula secreta do refrigerante.

No filme, um maestro rege um coral de galinhas frente a uma plateia lotada e surpresa com a atração. Um galo “tenor” destaca a  existência dos “Guardiões”da fórmula secreta do Guaraná Antarctica.

Ficha Técnica:

Agência: DM9DDB
Cliente: Ambev
Título: “Coral de galinhas”
Produto: Guaraná Antarctica
Direção de Criação: Sergio Valente, Guilherme Jahara, Marcelo Reis, Cassio Zanatta, Rodrigo Almeida
Criação: Otavio Schiavon e Gustavo Victorino
RTVC: Gilberto Pires (Gibinha), Juliana Racioppi Tangary, Carolina Guimarães Couto, Charles Nobili
Atendimento: Polika Teixeira, Ricardo Zanella, Joanna Alencar, Conrado Tourinho
Planejamento: Cynthia Horowicz, Marcus Vinicius de Freitas e Douglas Duarte
Mídia: Monica de Carvalho, Fabrício de Andrade e Felipe Snege
Produtora do Filme: ParanoidBR
Direção: Luis Carone
Direção de Fotografia: Pierre De Kerchove
Produção executiva: Egisto Betti
Produção: Equipe ParanoidBR
Atendimento Produtora: Arthur Machado e Raquel Magliari
Montador: Alex Lacerda
Pós Produtora: BUF
Produtora de áudio: Saxsofunny
Produção de áudio: Mariano Alvarez, Sergio Fouad, Edson Guidetti e Cezar Brandão
Atendimento áudio: Tatiana Ornellas
Aprovação cliente: Ricardo Moreira, Bruno Cosentino e Sergio Esteves

Fonte: CCSP

Chuvas, raios e ‘resgate’ em novo filme da Skol

A campanha “Um por todos. Todos por uma” ganha um novo filme. “Chuvinha” foi criado pela F/Nazca e continua reforçando valores como a amizade, o companheirismo e a irreverência.

Todos os comerciais – Navio, Monstro do Pântano, Cabo de Guerra, Carnaval Adocica e Queda Livre  – privilegiam o humor e a paixão de um grupo de amigos por Skol. “Chuvinha segue a mesma linha criativa dos demais filmes da campanha: situações inusitadas envolvendo um grupo de amigos e sua inseparável Skol são intercaladas com muito humor e irreverência”, explica Ricardo Marques, gerente de comunicação da Skol.

Assinam a criação Fabio Fernandes, Pedro Prado e Rodrigo Castellari, com direção de criação de Fabio Fernandes e Eduardo Lima.

Veja o filme:

Fonte: AdNews

Pepsi #PodeSer comercial escolhido por internautas

O comercial mostra final escolhido pelos internautas, entre três opções diferentes. O desfecho preferido dos consumidores conquistou 53% dos votos.

Ficha Técnica – Filme:

Anunciante:  Pepsico

Título:  “Conseqüências”

Produto:  Pepsi

Diretor de Criação: Luiz Sanches

Criação: “Pernil”, André Kassu, Marcos Medeiros

Produtora: Sentimental Filme

Direção: 2

Fotografia:  Pedro Cardillo

Rtvc:  Vera Jacinto, Gabriel Dagostini, Luana Aghata, Tais Olhiara Bezerra

Trilha:  Tesis

Locutor: Reginaldo Gomes

Montador / Editor: Rogério Ferreira Alves

Finalizadora: Sentimental Filme / Invaiders

Atendimento: Oscar Ferreira, Ricardo Taunay, Marilia Bairão

Planejamento: Cintia Gonçalves, Valter Bombonato, Felipe Siqueira Masson

Mídia: Flavio De Pauw, Daniele Buchidid Bertolini, Glauco Moraes

Aprovação: Luciana Fortuna, Valeria Pando, Nathalia Tercero

Pepsi volta à TV com comercial escolhido por consumidores

O novo filme da campanha “Pode ser Pepsi”, estrelado pelas gêmeas do nado sincronizado Bia e Branca Feres, teve seu desfecho definido pelos consumidores. Foram gravados três finais diferentes com situações inusitadas. O final em que os três tomam banho de banheira juntos foi escolhido com 53% dos votos.

Criado pela AlmapBBDO, o filme começa com um garçom de uma lanchonete do aeroporto falando para um cliente “Só tem Pepsi. Pode ser?”. O garoto aceita, dá um gole enquanto a locução em off explica: “já reparou que o pode ser, pode ser cada vez melhor?” e a cena é cortada para dentro de um avião. A aeromoça avisa o garoto: “Só tem lugar no meio, pode ser?”. Sem olhar para o assento ele aceita e acaba sentando na poltrona entre as gêmeas do nado sincronizado.

Na próxima cena, os três personagens estão tentando pegar um taxi debaixo de uma chuva muito forte. As gêmeas perguntam se eles podem dividir um carro e ele logo diz: “Pode!”. Em seguida, eles estão na recepção de um hotel fazendo o check-in e o recepcionista explica: “Só tem um quarto disponível, pode ser?”. Na última cena, os três estão dentro do banheiro do quarto e o garoto diz para as gêmeas “Só tem essa banheira, pode ser?”, as duas respondem que pode. Em seguida, os três estão dentro da banheira cheios de espuma e as gêmeas executam alguns movimentos do nado sincronizado.

Fonte: AdNews

GPS da Boa: Tecnologia analógica para encontrar cerveja no meio da multidão

Você está no meio da multidão no carnaval – isso, você, porque eu estou bem quieto em casa – e precisa encontrar o vendedor de cerveja. Como fazer?

Para resolver esse terrível dilema da humanidade, a Antarctica criou o GPS da Boa.

Almap diz que, com essa ação, a marca foi líder em vendas durante o evento e teve a preferência de 66% da pessoas

Mais um video-case pra temporada de prêmios, incluindo a versão em inglês.

Fonte: Brainstorm9