DICA DA SEMANA: “Preciosa – Uma História de Esperança” (2009)

Pense num filme chocante. Pense num filme perturbador, difícil. Um filme impactante, surpreendente. Estes e muitos outros adjetivos seriam necessários para definir o que exatamente se passa em “Preciosa” (Precious, do título em inglês).

530487_4267597375235_555525123_n

Com nome de novela mexicana, este longa em nada tem relação com os pseudo-dramas latinos dos anos 1990. A história se passa no Harlem, bairro de Nova York, em 1987. Claireece ‘Preciosa’ Jones, mais conhecida como ‘Preciosa’ (Gabourey Sidibe), é uma adolescente de 16 anos que está grávida pela segunda vez do próprio pai. Sua primeira filha, que mora com sua avó, é carinhosamente chamada de “mongo” – proveniente de mongolóide – pois é portadora da Síndrome de Down, e é através dela que Mary (Mo’Nique), mãe de Preciosa, recebe a renda do governo quando uma vez por mês a menina é trazida para sua casa no intuito de enganar a assistente social.

O filme conta em detalhes como Preciosa é maltratada, subjulgada, ofendida e agredida a todo momento por sua mãe e por seus amigos da escola, e como sua esperança se esvai à medida em que não existe qualquer amor ou carinho que a acalente.

precious_3

O roteiro, baseado no livro “Push”, da autora que foi professora no Harlem e viu essa história de perto, Sapphire – pseudônimo de Ramona Lofton – é cuidadosamente bem construído pelo diretor Lee Daniels. Filmado em apenas cinco semanas, Daniels dá um tom de drama humano ao filme que nos salta aos olhos, evidenciando que os nossos problemas em nada são comparáveis aos vividos por Preciosa.

Mo’nique (atriz que tem origem na comédia), mãe da nossa heroína e um dos personagens mais asquerosos que o cinema já mostrou, dá um show de atuação em sua interpretação vencedora do Oscar. Uma mulher amargurada e rancorosa, Mary só pensa em si mesma e não está nem ai para a filha ou para a neta. Seu olhar de indiferença, em relação aos problemas ao redor, chega a aterrorizar qualquer espectador com mínimas sensações humanas de carinho ou afeto.

12_Precious_MoNique.jpg

“Preciosa” é, além de tudo, uma história que precisa ser contada. Uma história que precisa chegar até nós. É uma realidade pesada, conturbada, mas que no filme é contada de forma convincente e sensível. Uma história tão real quanto a naturalidade da atriz estreante (e indicada ao Oscar) de nome difícil, Gabourey Sidibe, que fez o teste para o papel de Preciosa apenas 6 semanas antes do início das filmagens por sugestão e indicação de amigos.

“Preciosa” é um filme que você não vai ver para se distrair, muito menos para se divertir. Mas que, sem dúvida, você não deve deixar de assistir.

recomendado2

FICHA TÉCNICA

Diretor: Lee Daniels
Roteiro: Geoffrey Fletcher
Produção: Oprah Winfrey; Tyler Perry
Fotografia: Andrew Dunn
Trilha Sonora: Mario Grigorov
Duração: 110 min.
Ano: 2009
País: EUA
Gênero: Drama
Cor: Colorido
Distribuidora: PlayArte
Estúdio: Lee Daniels Entertainment / Lionsgate / Smokewood Entertainment Group
Classificação: 12 anos

@LeFernandes1

Facebook.com/LeFernandes

Anúncios

Sobre Lê Fernandes

Paulista, cantor (de festa de família), filósofo (de araque) e publicitário (de formação). Jogo FIFA e Pro Evolution Soccer (sim, é possível!), além de meter o bedelho em temas esportivos, musicais e, é claro, cinematográficos. Acredito que o diálogo é a chave para os problemas do mundo, e não costumo esperar aniversário ou velório para falar da importância que o felizardo, ou o defunto, têm na minha vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s