O Spoleto contra ataca! A genialidade para contornar um problema.

spoleto

As redes sociais muitas vezes são utilizada para criticar muitas marcas e acontecimentos cotidianos.
Algumas vezes essas são por meio de paródias, e assim foi com a marca de fast food SPOLETO.
Há 2 semanas, um canal de paródias e comédia (PortalDosFundos) publicou um vídeo parodiando o “péssimo” atendimento do restaurante.

Veja:


Como forma de resposta a este vídeo e a toda a repercussão que o mesmo causou no ambiente digital, o Spoleto preparou um vídeo resposta.
Caros amigos, tenho que dizer que o vídeo beira a genialidade, por todo o seu conceito e estrutura.

Confiram:

Afinal, como qualquer negócio que existe atendimento, são pessoas lidando com pessoas, e todas tem o seu dia de fúria.
Clap Clap Clap para o Spoleto.

.

@Mikebigode

Anúncios

Sobre MikeBigode

Publicitário, Social Media, Rockeiro, Fundador e editor-chefe do Publicitário Pobre! "Follow me and break rules!" ~ @MikeBigode ~

98 pensamentos sobre “O Spoleto contra ataca! A genialidade para contornar um problema.

  1. Ao invés de pensarem em uma forma de padronizar atendimento, dar treinamento para os funcionários, fazem com que os clientes trabalhem para eles em um canal de email, que sinceramente, eu não vou perder meu tempo enviando.

    Quero ser sempre bem atendido, não é meu trabalho garantir que isso aconteça no Spoleto. Já não gostava da comida da rede, agora não gosto também da maneira com que pensam. Mediocre

      • dibfla, não encare mal o que vou escrever, mas você precisa viver mais para entender a situação…
        O restaurante reconhece que pode ter errado e pede para que digam expondo situações para que o mesmo possa atender melhor ao público.
        A sua reatividade não ajuda a coletividade (incluindo você mesmo(a)).
        Precisa pensar em conjunto…

    • O babaca….os caras logicamente ALÉM de passarem um treinamento…fazem um canal para reclamações pois acontecimentos deste tipo podem acontecer. Sabe aqueles anjos que falam com vc no telemarketing…te desligando, enviando sua ligação para outro setor…fazendo vc esperar horas…passando informação errada??? São treinados e MUITO bem treinados pelas empresas…porém maus funcionários tem em todo lugar e a maioria é bem treinado.

      • NOssa (Malandro … rs) você deve ser um desses atendentes rsrsrsr … bem se a empresa tivesse uma política de respeito ao cliente deveria no mínimo seu gestor visualizar esse problema com seu funcionário e assim treiná-lo para melhorias ou afastá-lo.
        A e não esquecer que é culpa do empreendedor ter funcionários capacitados.

      • Babaca não meu caro, cada um tem sua opnião, babaca é você de não saber respeitar.

    • @laragnol mandar e-mail é trabalhar? que isso, cara, nenhuma empresa funciona sem feedback. você acha realmente que uma rede grande como o Spoleto ia deixar de dar treinamento a seus funcionários e basear toda a relação empresa-cliente em uma troca de e-mails? eu acho que não. não acho o spoleto essa maravilha, mas essa saída foi uma das melhores possíveis.

      • Mais ou menos. Há razões diferentes por quê um consumidor reclama. Raras vezes é por puro altruísmo; na maiora das vezes há insatisfação em relação a alguma parte do serviço.

        Mas uma cultura que muitas empresas brasileiras ainda não tem é a da reclamação. Ouvir reclamação faz bem para a empresa e o Spoleto está no caminho certo. =)

    • Medíocre? Isso se chama Relações Públicas, meu caro. Também não é seu trabalho fazer comentários fúteis, mas aqui está você fazendo, enquanto poderia estar dando sugestões construtivas para um melhor andamento dos serviços que você está julga, sem ter o menor conhecimento mercadológico, presumo eu. Quer ser bem atendido? Não é desse jeito que você vai conseguir.

    • Pessoas como você correm um alto risco de ser o personagem “funcionário” do vídeo. Não sabe enxergar o que está vendo. O vídeo foi feito para divulgar o canal de comunicação, não para fazer com que os cliente se conformem com um péssimo atendimento. A rede é grande. Os funcionários, são muitos. Treinamento, há. Pessoas, são vulneráveis. Da mesma forma que EXIGIMOS um bom atendimento, devemos ter educação com cada atendente. Já parou pra pensar em quantas vezes não estávamos em péssimo momento e fomos rudes com atendentes super atenciosos? Isso também faz com que um dos atendentes possa ficar P da vida e atender mal o próximo cliente, talvez, um educado.

      • Saco! Era pra sair como resposta ao “dibfla”… rs

        Aproveitando, então.
        Adorei a forma como a empresa divulgou o canal.
        Criatividade e bom humor sempre agrada a maioria.

      • Isso mesmo Nathy! Um bando de gente que não consegue nem entender o que assiste!

    • Concordo plenamente com dibfla.Argumento bem pobre que usaram para se justificar, quando a verdade é que o salário é baixo,o treinamento, um lixo,consequentemente o funcionário, insatisfeito, enquanto o lucro da empresa é exorbitante.

      Não deixa de ser razoável essa iniciativa deles, basta olhar a maioria dos comentários em que as pessoas já estão se doendo pela Spoleto,mas não estão nem aí se o cara que te atende não deixa seu molho nem esquentar na frigideira.
      Bora aplaudir,o serviço é uma merda mas a publicidade é engraçadinha,né?

      • Sou da seguinte opiniao, se esta insatisfeito com teu trabalho, então estude mais e procure outro lugar. Ninguem tem culpa de que vc nao pensou antes de matar aula e agora a unica coisa que te resta com ensino médio ou mts vzs fundamental, é ser atendente.
        Sou analista de suporte técnico e escuto muitas coisas absurdas, os clientes acham que a gente pode fazer coisa que nao existe, impossiveis, e quando nós falamos que não tem como, eles acham que somos nós que não queremos fazer tal coisa.
        E tem cliente que mesmo eu sendo super atenciosa, ele é grosso conosco, e isso atrapalha nosso proximo atendimento.
        Sou designer grafico e web tbm, ou seja, sempre coisas voltadas a clientes diretos, mesmo vc falando as coisas, o cliente tem sempre a razão, mas isso foi oq escolhi pra minha vida, e é oq gosto de fazer, então tenho certa paciencia. Mas se nao estivesse satisfeita, com certeza, voltaria pro escritorio de contabilidade que trabalhava. só lançava nota, ganhava muito bem, e ngm me enxia o saco.

    • dibfla, não encare mal o que vou escrever, mas você precisa viver mais para entender a situação…
      O restaurante reconhece que pode ter errado e pede para que digam expondo situações para que o mesmo possa atender melhor ao público.
      A sua reatividade não ajuda a coletividade (incluindo você mesmo(a)).
      Precisa pensar em conjunto…

    • Compartilho da mesma opinião que vc, dibfla!!! Não vi genialidade nenhuma nesse vídeo. Ele só demonstra que sabem e não tomam providências. Tem “n” outras opções onde posso matar minha fome e ser bem atendida.

  2. Melhor forma de compreender os DOIS lados da moeda. E sim DIBFLA, a empresa fornece treinamento, mas como em todas as funções e empregos pelo mundo, sempre existe o funcionário insatisfeito.

  3. Atendimento sofrível. Não adianta publicidade, se o atendimento da marca não corresponde. Treinamento é a peça chave.

    • Na empresa de suporte onde trabalho, 1x por mes tem reciclagem, e sempre tem treinamentos. Mas sempre tem aquele funcionário que nao presta atenção em nada, e estraga o time.
      Então não, treinamento não é a unica chave. É a disposição do funcionário.
      Se esta insatisfeito, saia. Simples assim.
      Ngm tem culpa das más escolhas que aquela pessoa fez na vida.

      • Raquel, você gostaria de trabalhar numa empresa em que você se esforça, faz um ótimo trabalho e no fim a empresa simplesmente não te reconhece?? Vc ficaria satisfeita com isso?? E outra somos seres humanos imperfeitos lidando com seres humanos imperfeitos. Tem cliente que não tem um dia bom e vem descontar nos funcionários… Aposto que Vc nunca passou por um atendente por isso Vc ta falando isso.

  4. eu acho o atendimento do spoleto do bh shopping pessimo e sempre reclamo e nao adianta nada.sempre volto la e estao os mesmo funcionario mal educados,o apenas uma que me atendia super bem,sorridente eles mandarao embora agora ta pessimo…e eles nao manda embora quem deveria

    • Se Vc não gostou do atendimento da loja porque é que voltou?? Se eu for mal atendido numa loja nunca mais eu piso os pés lá.. Tem gente que reclama e reclama mas todos os dias eles estão lá..

  5. Eu devo ter perdido algo … não vi genialidade alguma nesse vídeo e muito menos como resposta ao vídeo anterior … o atendimento continua ruim. Parece até coisa de político, um bla bla bla danado tentando enfeitar o angu. A logística que cismam em manter que não convém … é pressão da fila, pressão do Mister frigideira, impaciência dos “semi deuses” do outro lado do balcão … enfim, serve como “não tem tu, vai tu mesmo”. Ousaria dizer que é um bandeijão bem arrumado, o sistema é o mesmo.

      • TBM nao vi nada demais… esse vídeo é o marketing mais fraco que eu já vi. Como disseram, esse sistema de servir é falho para o cliente, só beneficia os funcionários! O ideal para o Spoleto seria inovar e mudar o conceito de atendimento por completo, as pessoas deveriam ser atendidas na mesa e preenchiam uma guia com os ingredientes q preferirem e aguardavam sentadas… quase um “la carte”..
        mas isso demandaria mais tempo e mais funcionários, minimizando os lucros da rede….
        mas quem quer ver o cliente satisfeito, tem q investir certo…

  6. Mal atendimento pior que TODA a rede giraffas eu ainda estou para conhecer. Do Spoleto ainda nao tive tal experiencia. Esta insatisfeito ha varias outras opcoes, se nao consegue compreender “um dia de furia” de um atendente, que por mais que seja profissional e tenha que atender conforme o protocolo pois esta ali sendo a face de uma empresa antes de tudo eh uma pessoa, com as mesmas necessidades e preocupacoes que o faminto do outro lado. Cabe aos superiores da empresa observar o atendimento e propor a melhora por parte dos atendentes, caso contrario, va aprender a boa educacao e volte mais tarde, quando estiver civilizado.

    • Cara… o Giraffas já errou meu prato 3 vezes no delivery… depois de mais de uma hora e meia de fome… eu desisti de esperar e fiz um mexido com os pratos errados!!!… (detalhe, eles nao conseguiram me enviar o prato correto) – nunca mais comprei lá!

    • Discordo que o atendente de qualquer empresa tem o direito de ter um dia de fúria com o cliente que não tem nada a ver com seus problemas particulares, tampouco com os problemas da empresa. Se o atendente não quer atender, NÃO VÁ TRABALHAR! Tenha seu dia de fúria em casa! O cliente paga caro por um serviço e merece ser bem atendido.

      • O cliente tbm tem seu dia de fúria e mesmo assim ele não fica em casa ele vai encher o saco dos outros. eu já trabalhei como atendente e sei como os coitados sofrem com clientes mal amados, estúpidos, mal educados… tente trabalhar um mês como atendente e você logo irá mudar de opinião.

    • Não é só melhor, como eles não ousam não atender às solicitações, atendimento na padronização americana estilo robô que bem ou mal, com algumas ressalvas, funciona

  7. Já que quem é publicitário tá com dificuldade de acompanhar, vamos lá.

    Muitas outras empresas ficariam bravinhas com o vídeo. A genialidade do Espoleto foi aceitar a crítica, aproveitar o embalo, linkar o vídeo original sem qualquer receio e alfinetar o consumidor chato que não consegue pensar, ainda na fila, o que quer comer – mesmo com aqueles cartazes enormes mostrando todos os ingredientes.

    Chama “fast” food por algum motivo, e esse motivo também depende do consumidor. Se deseja tanto ser atendido com calma e devagarinho, por favor sente à mesa e escolha seu vinho, senhor.

    • Concordo com vc, Marta, além de tudo ainda há um papel próximo ao caixa onde o consumidor pode marcar os ingredientes desejados e o pedido possa ser realizado com mais rapidez. Spoleto não foi feito para indecisos…

    • Alfinetar consumidor chato pode ser estratégia perigosa, já estive no ramo e conheço muitos chatos que gastam mais e trazem mais consumidores. O momento da refeição por mais que esteja na correria, deve receber atendimento primoroso por parte da empresa em que o consumdor está gastando seu dinheiro, afinal essas redes tem os preços bem salgadinhos. Péssimo vídeo e péssima alfinetada e ô, esse atendimento afasta fidelidade.

    • Marta, quem nunca ficou indeciso com tantas opções a escolher? O que não dá é um atendente pressionar o consumidor para finalizar o pedido, a ponto causar constrangimento. Se o cara quer ter seu dia de fúria que o faça em sua própria casa, não no local de trabalho. Pois cliente algum tem responsabilidade por seus problemas pessoais!

      • ah, quem consegue a unanimidade?? absolutamente ninguém. Sempre tem um chato pra reclamar. Sempre. E as vezes o “chato” somos nós mesmos e só precisamos ter uma noite mal durmida para destilarmos zangarias e pragas nos outros.

        tem muita mensagem aqui falando que atendente não tem que ter “dia de fúria”, que é pago para atender bem etc. Mas o cliente tem esse direito? Pq vai pagar aquilo que ele está consumindo tem o direito de destratar alguém do outro lado do balcão?

        Na vida real, lá fora, o que mais existe é cliente imbecil, chato, caroço, intolerante, arrogante, que acredita que seus 10 reais lhe permitem enxergar inferioridade nos outros.

        TUdo se trata de uma grande hipocrisia, de ambas partes.

      • Fernando falou tudo..
        Me lembrei de um caso.
        Trabalho em uma empresa de suporte tecnico de tecnologia, e um atendente que falava super mal, e rapido, estava falando seus dados, e eu tive que pedir pra ele repetir direto, pq alem de todo o agravante a ligação estava pessima… Ai ele me chamou de burra, e falou que pagou 8,90 e queria ser atendido..
        Quase que eu falei “foda-se que vc pagou 8,90, tem cliente aqui que paga 200 num suporte e nao eh tao mau educado quanto vc”
        Mas eu falei “Eu nao sou burra, a ligação esta ruim, e nao estou entendedo oq vc esta falando”
        Agora me diga, tenho que tratar com sorriso um cliente que me xingou em linha, e foi gravado?
        Se eu quisesse eu metia até um processo nele…
        E detalhe, que eu ia dar o atendimento dele, só tinha que fazer o cadastro dele antes…
        Tem cliente que só pq acha que eh cliente, tem direito de desfazer as pessoas. Quem fica “to pagando seu salario, entao tem que me tratar bem” eh mto ideia de ignorante que nunca teve nada na vida, e ficou rico de repente..

    • Perfeito, Marta! Uma resposta plenamente correta. O fast food é feito por seus clientes. É irritante ficar esperando a sua vez enquanto a pessoa da frente está escolhendo. É a mesma coisa que ficar na fila para entrar no ônibus ou metrô… todo mundo passa e sempre tem um babaca que resolve contar suas moedinhas na catraca ou na bilheteria. Qdo vou ao spoleto dou uma olhada no site e já anoto o que vou pedir: sem stress, sem demora. É uma questão de respeito não só do Spoleto para o cliente, mas tbm, de um cliente para o outro (vulgo o próximo da fila).

    • Também acredito que uma empresa que trabalha com atendimento ao público tem obrigação de atender a qualquer cliente com qualidade. O video-respostas não é genial, pois seria o cúmulo um funcionário perdendo o controle e seu supervisor ficar apenas de longe gesticulando.

  8. Achei o vídeo genial kkkkkkkk… Já passei por quase isso no spoleto de um shopping aqui em Fortaleza, só reparei tipo na pressa para fazer a escolha dos ingredientes, nada abusivo ao ponto do vídeo, mas se caso acontecer algo a mais, responderei à altura ;p

  9. acho que dar opções para o cliente é muito legal. Tinha uma ótima opção de nhoque com Philadelfia em 2011. Por que tiraram?!?

  10. Um monte de babaca criticando um cara que teve uma opinião diferente (achou a atitude da empresa ridícula) da deles e eles acham que as pessoas devem se ajudar, os clientes devem ajudar a empresa enviando emails…. Piada e palhaçada, juntos em um video e comentários.

  11. Adorei, chorei de rir! E sinceramente, acho que uma boa parte da culpa é do consumidor, eu sempre escolho as coisas antes no spoleto, e nunca me senti mal atendida, ao contrário, as caixas do spoleto do Nova América eram sempre muito simpáticas. O que eu acho que o spoleto deveria fazer é deixar mais claro que existe um papelzinho onde você pode marcar o que quer comer, esse papelzinho geralmente fica no caixa e não próximo a fila, onde seria mais útil.

  12. Adorei! É um saco ter clientes malas na sua frente, na fila. É um tal de “não sei o que eu quero e o problema é seu spoleto” que irrita. E é assim na fila do mercado, do banco, do correio, etc… Consumidor daqui é capiau. Acha que pode tudo, inclusive ofender quem tá trabalhando. Gentileza gera gentileza. Se eu quero rápido, torno a vida do cara mais fácil. Fica fácil pra ele, logo, fica rápido pra mim, simples assim. Isso nada tem a ver com falta de educação. Isso é bem diferente, como o fim do vídeo mostra. Aos chatos de plantão: vocês merecem um atendente desse tipo mesmo…

    • Concordo perfeitamente com o Neto!
      Pessoas chagas e indecisas estão por todos os lados, no caixa eletrônico, o cara tira extrato, depois saca, aí confirma o saldo…

      Da vontade de atropelar!!

      No próprio mc, não tem segredo, os lanches estão lá, prontos, não tem que escolher ingrediente nenhum… Mesmo assim existem criaturas que adoram acabar com a paciência dos atendentes!!!

      Fast-food, caixa-rápido… Colabore… Caso contrário, escolha o self-service ou o a la carte, assim não terá dúvidas, e pode demorar o tempo que quiser!!!

    • a empresa deve melhorar sua estrutura de atendimento, garantir tranquilidade à escolha do cliente, afinal ele está pagando e não é pouco, se você acha um saco ter clientes na sua frente na fila a culpa é da empresa não do cliente. E o pior que tipo de pensamento dá margem as empresas continuarem com esse tratamento. Na minha empresa jamais haverá esse tipo de pensamento. Só tem uma coisa que concordo em seu texto, Gentileza gera gentileza e nesse caso começa e termina com o atendente.

    • Neto, você escreveu tudo o que queria dizer. Eu nunca fui mal atendida no Spoleto simplesmente porque já chegava com o prato pronto na minha cabeça. E tenho vontade de MATAR aquele povo que não sabe o que quer da vida. Gente que enrola para pedir não é chato só para o funcionário que está atendendo, mas para os clientes que estão atrás,esperando. Eu gostei do vídeo, gosto de empresas que sabem lidar com críticas sem perder a finesse.

    • Eu concordo com vc!! Acredito que os inúmeros comentários acima são de pessoas como a garota do vídeo. Até acho que a piada foi para essas bestas, e não pela fúria em si do atendente. hahahahaha

  13. eu trabalho com o publico desde os 18, e posso afirmar, este é um assunto complicado… mas assim como existem bons profissionais, existem os maus, e me desculpem, mas por mais que vc seja frio e tenha treinamento existem pessoas que te deixam fora do controle, ou vc que trabalha nunca teve vontade de mandar alguem pra pqp? É difícil uma empresa ter100% de controle c/tdas as pessoas.Achei legal o vídeo, pois se fosse outra empresa, estaria se fodendo pra isso.

  14. Subway, McDonald’s, Giraffas, Bob’s, Spoletto… atendimento péssimo…falta treinamento e melhores salários. Eu simplesmente PAREI de comer nesses lugares. Simples.

  15. Muitas vezes, a franqueadora admite empreendedores que possuem o capital necessário e nenhum know how…..em alguns casos, o negócio é tratado pelo franqueado como mero investimento e, portanto, precisa retornar o capital no menor tempo possível…ainda que seja necessário pagar salários baixíssimos para um empregado que trabalha todos os sábados e domingos. Treinamento?? Somente aqueles que a rede proporciona…..enfim, temos aí o cenário ideal para que ocorram casos como esse. Fica a dúvida: o mal atendimento é causa ou efeito??

  16. Sério? Isso “beira a genialidade”?
    Amigos, faculdade de Publicidade e Propaganda deve ser a coisa mais fácil do mundo…

  17. Sim, genialidade!
    Um vídeo humoristico, retratando uma realidade que acontece frequentemente com a rede Spoleto: os atendentes quase sempre estão de má vontade e/ou nos apressando.
    Isso repercute muito quando vai pra Internet e, caso a Spoleto não se pronunciasse, seria como adimitir a todos os clientes que ela não está nem aí pra nossa satisfação.
    Por outro lado (e esse sendo pela resposta imediata por parte da empresa) ela continuou o vídeo humoristico sem entrar com alguma ação ou processo contra os atores e roteiristas. E mais: divulgou seu canal direto para o cliente se manifestar e poder melhorar os setores falhos da rede.
    Sim….genialidade!

  18. A Internet se tornou um poço de gente que defende coisas com má educação.
    Não podemos ter opiniões contrárias, devemos ser homogêneos e sempre concordar com todos. Se o blog falou que é genial, discordar nos comentários será um crime gravíssimo.

    Parece que voltamos 500 anos no tempo, com tanta gente sendo assim. Não é a toa que o atendimento de uma empresa é ruim, se pessoas como as que costumam agredir os outros gratuitamente em comentários de blog trabalharem nessas empresas, já está explicado.

  19. Adorei o vídeo, realmente é o que eu estava pensando, existem funcionários ruins em qualquer lugar, independente do treinamento ou não.
    Aqui em Brasília vou bastante ao Spoleto e nunca presenciei esse “bullying” haha… Isso vai da educação de cada um, e cabe aos gerentes observarem e tomarem as medidas cabíveis.
    Ps.: Essa atitude de deixar pra decidir em cima da hora é realmente odiosa, não irrita só aos funcionários (mesmo que não demonstrem), como também os outros clientes que estão esperando. Mudar seus hábitos e ser mais considerado com os outros ninguem quer né?

  20. O vídeo está mostrando que a empresa critica a lentidão do consumidor na escolha, é um absurdo, a comida não é de graça e muito menos o preço é baixo, se um cliente ou outro é lento no momento da escolha que a empresa melhore sua estrutura de atendimento, dê uma remuneração condizente com as jornadas longas e exaustivas de trabalho que esses funcionários realizam. Mesmo esses apressadinhos um dia ou outro terão seu momento de lentidão em alguma escolha. Apoiar ou aprovar essa resposta que a Spoleto deu é assinar a declaração de um consumidor alienado e tapado que permite tal comportamento, que na verdade devemos repudiar e extinguir das relações comerciais.
    Mandaram mal demais.

    • Tá ligando na expressão “fast food”?
      Não é um restaurante à “la carte” é um “fast food”.
      Vai lá ficar no caixa do MC’Donalds pensando se acrescenta ou não um ingrediente.

      Se é contra a rede, não a frenquente, ela vai falir um dia.

      • Fast food não quer dizer mal atendimento. Se o grupo escolheu ser fast food, tem antes que analisar o que é ser fast food. (Fast food quer dizer alimentação rápida e não mal atendimento). Não foi o cliente que escolheu (diretamente) ser fast food de alimentação que você (cliente) irá montar o prato. Você sabe quanto tempo um Goumet passa para “inventar um prato”?E empresa falir, isto não é impossível para nenhum grupo, ex. Banco Econômico, Bamerindus, Mesbla, Mappim…..Isto só no Brasil, fora as 400 mil empresas que quebraram nos EUA de 2008 a 2011.

  21. Na boa, os retardados que deixam pra escolher na hora do atendimento me irritam MUITO! Porra, o camarada tem uma fila inteira pra pensar! Realmente merecem ser mal atendidos. Para mim, o primeiro vídeo é uma crítica tanto para o atendente mal humorado, quanto para o cliente mongolóide.

    • Caro “meu pau de óculos” aproveitando a deixa de seu pseudônimo, você já pensou se for em um urologista ou procto quem também tem uma fila enorme de clientes para atender, e ele te atendesse sem paciência… Se for masoquista, tá legal, talvés volte várias vezes a este procto.

  22. Todos que tem contato com comunicação social, vão achar uma boa jogada do marketing, a questão é se vai agradar ao público do SPOLETO.

  23. Tem uma sacada sutil que me ocorreu, o spoleto meio que neutralizou a piada. a resposta (forçada e patrocinada) perdeu a espontaneidade! Meio “ja que nao podemos contra eles, nos juntamos a ele”!!!

  24. Maneira genial, sutil e cuidadosa de responder as irresponsabilidades de uma minoria que nunca estará satisfeita com nada !!!!
    Parabéns !!!

  25. Ótimo os vídeos! Muito legal mesmo!
    Aproveitando o momento, na minha opinião duas coisas são péssimas no Spoleto. A primeira é quando começam a misturar os ingredientes. Quando, por exemplo, vai parar presunto no potinho do milho – até pedaço de camarão já foi parar no meu nhoque. Tem gente alérgica por aí! Sem falar nos vegetarianos! A outra, é quando o povo vai fazer o pedido e bota a cara pra depois daquele vidro que “protege” os alimentos… Fora isso, acho ótimo o atendimento, mas seria ainda melhor se o pessoal que atende fosse tipo robô.

  26. Acho fantástico tanta gente querendo que o atendimento seja bom por si só, sem querer dar retorno para a empresa. Gestor virou sinônimo de vidente agora.

    Simples, se gosta da comida mais não gosta do atendimento, demonstre isso para a empresa e não resolver pare de frequentar.
    Se não gosta da comida nem entre.
    Opções existem para isso.

    Mas não como negar que a empresa teve peito de não esconder o vídeo e usar para divulgar o canal de reclamações.
    Aguardemos que o atendimento melhore, se não melhorar pare de frequentar.

  27. Só um detalhe: AMBOS os vídeos foram encomendados pela Spoleto para falar sobre este problema que pode acontecer as vezes.

  28. Pingback: Melhor comercial do Brasil | Guia Fone

  29. Dentro do padrão Brasil, sempre fui bem atendido na rede. É uma das melhores opções custo-benefício e umas das mais rápidas.
    O atendimento no Brasil é um problema crônico, muito deficitário e despreparado em qualquer área.

  30. O vídeo, como ação para rebater uma imagem negativa, foi interessante. Mas bom atendimento nada tem haver com justificar “um dia de fúria”. É óbvio que não se trata de um caso isolado, já que críticas não surgem de um acontecimento raro. †rata-se, portanto, de um problema concreto, que a empresa precisa enfrentar. Não é só treinamento de funcionários, talvez seja preciso repensar o modelo de negócio e fazer ajustes que possam melhor atender aos clientes e otimizar a vida dos funcionários, mantendo a idéia de fast food, é claro!

  31. Eu achei os vídeos fenomenais, se eu trabalhasse nessa rede, com certeza agiria exatamente como esse atendente, afinal não é possivel que a pessoa não saiba o que vá comer durante a fila,fast food é para ser rápido não tem coisa pior que estar com fome querendo comer rápido pq você está atrasada e o mala da frente ficar errrrrrrr

  32. Existem empresas que nasceram para o ramo de fast food, e existem empresas que nasceram sem missaõ alguma, como é a Spoleto, não é de hoje que tem um atendimento péssimo, e porque depois de mais de 10 anos de mercado tomam esta iniciativa. Tudo pq as redes sociais estão funcionando e muito bem, antes não se preocupavam pq não havia repercussão tão rápida. Ninguém resolve um problema físico, presencial via digital. Ou mudam o atendimento no balcão, ou não adiantará nada esta “genialidade” de resposta.

  33. Ao departamento de Recrutamento e Seleção do Spoleto: Aprendam entao a selecionar e recrutar pessoas educadas e que gostem de pessoas….se tiverem dificuldades de entender isto, me contratem que resolverei o problema de vcs. Sem mais. Grato.

  34. Muito boa a sacada do Spoletto, mostra que existe sim o funcionario impaciente, mas tambem o que o levou a tal comportamento. Muita gente nao tem a menor nocao ou pouco se importa se existe gente atras na fila, que em menos de uma hora tem que sair, almocar e resolver seus afazeres nesta horinha… E nao so atrasa todo mundo como fica num grau de exigencia e questionamento como se estivesse pagando R$ 200 por um almoco em um restaurante legal, para estas pessoas vale a frase: “Existe um mundo melhor, so que custa mais caro…”. Nao seria mais facil comecar a pensar antes na fila? Acho que tudo seria mais facil se as pessoas se planejassem melhor e se colocassem no lugar do outro tambem…

  35. Eu só acho que foi tudo combinado.. desde o primeiro vídeo de “crítica”…
    a história que eles trocaram o nome do vídeo após uma reunião com os donos da empresa, ao meu ver, não aconteceu.
    A empresa Spoleto é patrocinadora do filme novo do Fábio Porchat… filme esse que está filmado há um ano no mínimo….

  36. DE QUEM É A CULPA?

    Ser considerado uma ídeia bacana, como resposta de uma crítica, ok. Clap, clap,clap, palmas para a criatividade, mas o que realmente aborrece nessa resposta, é que, parece que a empresa, tenta se esconder atrás do funcionário, colocando a culpa nele. Dessa forma então, sempre ao sermos mal atendidos, significa ser totalmente pessoal ao atendente e não um problema do estabelecimento, que nao treinou suficientemente seus funcionários, fato que isso esta acontecendo em varios lugares e com vários funcionarios. Muito estranho todos estarem tão mal educados ao mesmo tempo. Que a crítica seja de uma maneira geral, para varias redes comerciais, sejam elas lanchonetes, lojas, mercados ,e etc.
    O que seria mais bacana, era um vídeo resposta, assumindo o erro sem apontar apenas o o funcionário , e mostrando também a preocupação em melhorar o atendimento com treinamento.
    Não estou insentando totalmente o atendente, mas apenas revelando que, ao se ter uma rede comercial, em primeiro lugar, deve-se prezar pelo atendimento e ficar atendo com a educação dos funcionarios, evitando o máximo possivel de ocorrer uma insatisfação. Fato que o mal atendimento esta acontecendo de uma maneira geral e frequente, não ocasionalmente como mostrado na resposta, e apenas por culpa do funcionário que estava irritado por motivos pessoais.
    Espero que com esses fatos, ocorra uma mudança na estrutura das empresas, remanejando cuidadosamente os funcionários, priorizando o bom atendimento. E que não ocorra novamente, uma certa desculpa pretensiosa.
    O consumidor tem o direito de ser bem atendido, aliás, o estabelecimento, depende dele.
    Acredito que uma crítica tem a intenção de colaborar com uma reconstrução e não destruição. O que descrevo é uma crítica com intenções de melhora generalizada, que ao entrar em qualquer comercio não ocorra um arrependendimento e a sensação de ser humilhado,e que se ocorrer, que isso seja resolvido com diplomacia na mesma hora. Não temos culpa se o funcionario nao acordou em um bom dia, cabe a empresa que o contratou ficar atenta, aplicando feedback e treinamentos para que isso nao aconteça. Espero que a empresa criticada leve esse fato como uma forma de melhorar e não de se esconder.
    Pensar a crítica como cosntrução, provavelmente fárá muita diferença para ambos os lados.
    De quem é a culpa?
    A resposta mais pertinente, é o silêncio, pois ficar procurando o culpado, não vai levar a lugar nenhum, sempre será a mesma coisa, o que é mais necessário é pensar o porque essa pergunta surgiu e tentar o máximo evitá-la.

  37. de que forma o Spoleto foi genial? não entendi a “genialidade” da resposta deles…
    quis dizer que tem gente estressada em todos os ramos de atendimento onde as empresas exploram seus funcionários??

    ah tá, agora saquei…

  38. Pingback: Criatividade sem limites – Spoleto parte III |

  39. Pingback: Melhor comercial do Brasil | Guia ifone

  40. Bem eu já passei por isso. Acho bem legal a ideia de montar o seu macarrão, mas sou indecisa e realmente são muitas coisas para escolher, achei que só eu que me sentia assim. O que tinha que mudar era a funcionalidade como, colocar funcionários na frente com um guia de todos os ingredientes e vc pode já escolher na fila ou dar este folheto para vc ir escolhendo, mas vc chega lá tem uns 40 ingredientes e ninguém vai com uma receita pronta na cabeça. Concordo com algumas pessoas que disseram que não tem genialidade nenhuma, pois o problema foi escancarado não adianta tapar com a peneira dizendo que não existe. É necessário ideias para mudar o que não esta funcionando. Eu mesmo não como lá, pois me sinto constrangida.

  41. Boa noite , no domingo fui no spoleto do shopping da ilha não fui atendida perguntei para a funcionaria ela me disse que não ia abri a loja perguntei por que me disseram que não tinha funcionario suficiente para trabalhar por que o patrão não paga SALARIO DE funcionario mais de 20 DIAS E SÓ PAGA ATRASADO mais de 6 meses sem alimentção e o plano de saúde dos funcionarios ele desconta do salario e não paga para empresa pior que moro muito longe do shopping fui almoçar com minha familia e aconteçe isso o nome spoleto aqui em são luis do maranhão esta virando lixo alguem deveria tomar alguma atitude e aqueles funcionarios fiquei muito SENTIDA por eles estão nesta condição como uma rede tão respeitada estão deixada na lama e falarão que neste domingo não vão abri a loja novamente se eu for no domingo e nãO ESTIVER ABERTA VOU COLAR NAS REDES SOCIAIS E VOU TIRA FOTO POIS ISSO E UMA FALTA DE RESPEITO PELO CLIENTE FIEL AO SPOLETO. SÃO LUIS MA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s